Como usar roupinhas no cão de forma consciente?

Com a chegada do frio, todo mundo logo pensa em agasalhar os pets. Quando o assunto é roupinha encontramos hoje no mercado diversos modelos com materiais diferentes, mas é preciso se preocupar com alguns pontos antes de apenas optar pelo modelo mais fashion e estiloso para o seu cãozinho.

                  Antes de mais nada, certifique-se de que seu animalzinho curte usar roupas ou casaquinhos. Alguns animais que nunca tiveram o hábito podem ficar extremamente desconfortáveis e até mesmo evitar se locomover. Se isso acontecer, não force! Existem outras opções para deixar o pet aquecido no inverno como cobertores e até mesmo aquecedores portáteis. É possível também realizar um trabalho de dessensibilização para acostumar o pet com esse item. Procure por um adestrador profissional para te ajudar nessa questão.

                  Bom, se o pet já tem o hábito de ficar agasalhado, vamos pensar agora nos cuidados que devemos ter para escolher o melhor modelo. Procure por roupinhas feitas 100% de algodão ou com materiais hipoalargênicos O preço pode ser maior,  porém para aqueles animais com históricos de alergias não podemos descuidar.

                  Outra dica é evitar roupas com muitos acessórios como laços, sininhos, zíper, pedrinhas, etc. Além de causar maior desconforto para o pet, ainda há o risco do seu animalzinho engolir algum objeto e colocar sua vida em perigo. Cuidado também com cachecóis ou agasalhos que possuem algo para amarrar no pescoço, pois eles podem fazer o pet se enroscar e assim acabar se machucando.

Precisamos lembrar sempre que os cães não são pessoas, e que humanizar demais é uma forma de maltratar esses bichinhos. Muitas vezes o que parece fofinho para nós está causando um grande incomodo. Por isso, use roupinhas sempre de forma consciente e respeitando os limites do seu próprio animal.